MANCHETE

Abílio ataca Saad e demais vereadores em sessão na Câmara Municipal

Publicados

em

O clima esquentou na Câmara Municipal de Cuiabá, o vereador Abílio Junior (PSC) protagonizou um bate-boca durante a sessão desta quinta-feira (13). No qual, o parlamentar atacou os seus colegas.

Abílio se exaltou por conta do relatório de autoria do vereador Ricardo Saad (PSDB) a favor da sua cassação. O documento foi aprovado pela Comissão de Ética da Casa na última terça-feira (12) e ainda será analisado em plenário.

O parlamentar aproveitou a oportunidade nessa manhã para criticar colegas da oposição.

Abílio classificou Saad, como “corrupto” e membro da “escória” da política em Cuiabá e ainda acusou o parlamentar que também é médico de agir de modo a beneficiar o Hospital Santa Helena, unidade onde ele atende.

Segundo Abílio, na Capital existem bons vereadores, mas Toninho de Souza, Chico 2000, Ricardo Saad, Luiz Claudio, Juca do Guaraná, Adevair Cabral são as piores classificação de vereadores da Casa.  “Estou enfrentando a pior escória da política de Mato Grosso”, afirmou Abílio.

Em seu discurso, o vereador ainda citou outros parlamentares que, segundo ele, atuam em prol de interesses do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB).

Leia Também:  Morre o cuiabano Fenelon Müller campeão sul-americano de judô

“Não é muito fácil combater a corrupção, enfrentar o prefeito e seus maus vereadores. Vereadores que estão aqui prejudicando a Saúde de Cuiabá, que estão no bolso do paletó”, comentou Abílio.

Saad, em resposta as acusações do vereador disse que irá acionar Abílio judicialmente e ainda afirmou que enxerga o parlamentar como uma pessoa doente e que terá que provar as delações.

“Desde a hora que entrei neste plenário o senhor está me ameaçando. É esse o seu perfil. Agora, não venha me chamar de corrupto. Vou judicializar o senhor hoje. Vou entrar na Justiça criminal e o senhor vai ter que provar que sou corrupto”, disse.

“Eu não brinco mais, o senhor está me ofendendo e não aceito. O senhor é arrogante e acha que está certo na sua arrogância. Está caindo no descrédito. Tem que aprender a ser politico e o senhor não é”, completou

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA