MUNDO

Com Covid em alta, Japão vai estender estado de emergência a outras partes do país

Publicados

em

 

 

1 de 2
Rua de lojas em Tóquio, no Japão, nesta sexta-feira (30) — Foto: Kantaro Komiya/AP Photo

Rua de lojas em Tóquio, no Japão, nesta sexta-feira (30) — Foto: Kantaro Komiya/AP Photo

O governo do Japão decidiu nesta sexta-feira (30) colocar mais regiões do país em estado de emergência por causa do avanço da Covid-19. A capital Tóquio, sede das Olimpíadas e que vem registrando recordes de casos de coronavírus, já estava nesse patamar emergencial desde o começo de julho.

A medida terá efeito a partir de segunda-feira (2) até 31 de agosto em Osaka, Chiba, Kanagawa e Saitama — essa última, uma das subsedes do futebol nestes Jogos Olímpicos.

 

 

Veja 5 pontos sobre a variante delta

Veja 5 pontos sobre a variante delta

O estado de emergência é bem mais brando do que medidas de confinamento adotadas em outros países: apenas restringe o funcionamento de bares e restaurantes e recomenda o trabalho remoto.

O Japão vive uma onda perigosa de casos de Covid-19 , com a média móvel acima de 6,5 mil novos registros todos os dias. Mais da metade desses diagnósticos estão em Tóquio.

Leia Também:  As três diferenças fundamentais da crise atual frente a de 2008 – e o cenário de recessão que se desenha no Brasil

 

 

Japão tem novo recorde de casos de Covid-19

Japão tem novo recorde de casos de Covid-19

A vacinação demorou a começar no país asiático, e o governo japonês tenta acelerar o ritmo. Estima-se que 27% das pessoas no Japão tenham recebido as duas doses.

Coronavírus nas Olimpíadas

2 de 2
Pessoas passam em frente aos anéis olímpicos em Tóquio, no Japão, no domingo (25) — Foto: Eugene Hoshiko/AP Photo

Pessoas passam em frente aos anéis olímpicos em Tóquio, no Japão, no domingo (25) — Foto: Eugene Hoshiko/AP Photo

Balanço divulgado nesta sexta mostra que houve 198 casos de coronavírus em pessoas relacionadas às Olimpíadas de Tóquio, o que inclui 25 atletas ou técnicos. Todas as pessoas envolvidas no evento são testadas cotidianamente, e a taxa de positividade — ou seja, percentual de testes positivos para a Covid — segue inferior a 0,1%.

Na quinta-feira, o time de atletismo da Austrália entrou em quarentena depois que alguns desses atletas tiveram contato com o saltador dos EUA Sam Kendricks, que está com Covid-19 e acabou excluído da competição. Todos passam bem.

 

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA