SAÚDE

Como um protocolo de meditação diferente e progressivo pode reduzir em até 95% pensamentos centrados no próprio “EU”

Publicados

em

Pessoas que alcançam esse estado de consciência são chamadas de “seers” por especialista brasileiro
Confira orientações para atingir a consciência expandida

Se você é uma pessoa que vivia com pensamentos centrados no seu ego e passou por uma transformação de vida a partir de uma nova consciência sobre quem é você, saiba que não está sozinho. Uma pesquisa do renomado cientista Dr. Jeffery A. Martin, aponta que essa experiência de atingir o estado de consciência expandida e entender “quem verdadeiramente sou” – relatada por 1.200 pessoas nos Estados Unidos — provocou uma redução de 80% a 95% dos pensamentos. Essa alta porcentagem pode sugerir que quase todo o pensamento sumiu, entretanto, houve na verdade uma redução de pensamentos desnecessários – mais emocionais e menos funcionais -, que congestionam a mente e causam sofrimentos.

Para chegar a essa conclusão, a segunda fase do estudo ouviu 50 indivíduos da amostra inicial – que representavam com maior fidelidade a amostragem completa. Por meio de entrevistas ao longo de dois anos, com perguntas relacionadas a: senso de “EU”, cognição, emoção, memória e percepção, o pesquisador descobriu que os entrevistados não gostariam que seus pensamentos centrados no próprio “EU” retornassem aos níveis anteriores. Os participantes explicaram que suas habilidades para resolver problemas, e a sua capacidade mental aumentaram, visto que a mente não estava lotada ou sendo influenciada por pensamentos perdidos.

Aqui no Brasil, o especialista Fernando Gabas, criou uma nova denominação para as pessoas que mudaram a forma de viver a partir dessa “iluminação” — são os que vivem como “SEERs”, ou seja, aqueles que já viram ou estiveram em contanto com o seu verdadeiro EU.

“Quando a pessoa atinge esse estágio de autotranscendência ocorre uma diminuição dos processos de pensamentos centrados em si mesmo. Normalmente, as pessoas ficam o tempo inteiro pensando em assuntos relacionado a si, ‘eu preciso fazer isso’, ‘preciso conquistar aquilo’, ‘preciso melhorar minha aparência, ‘minha família’, ‘meus amigos’, ‘minha bolha’. Quem passa por esse processo deixa de ser obcecado pelo EU e passa a se sentir conectado com o todo”, explica o especialista.

Leia Também:  Metade dos pacientes do SUS com câncer se tratam fora de suas cidades

Gabas, criador do protocolo de meditação e expansão da consciência chamado Life Matters, conta que sua metodologia coloca em ordem os passos para os indivíduos transformarem a percepção de vida, deixando de criar falsos modelos mentais, e atingindo outros estados de consciência, infinitamente mais prazerosos do que os que estão presos nos condicionamentos mais “primitivos”.

“O diferencial do método é que ele te conduz a um processo profundo de percepção — muito maior do que as meditações feitas de formas simplistas e imediatas — pois ele vai abrindo as portas da consciência de forma progressiva e sequencial em um curso que é dividido em módulos, com a duração média de dois meses cada um. A cada semana se inicia uma jornada. O método vai provocando ampliações da percepção sobre a realidade de si mesmo e da vida e o despertar é impulsionado de diversas formas. Ao final, mais de 90% dos indivíduos atingem a autotranscedência, que é chegar em um estado de consciência que constata a ilusão e a futilidade do excesso de pensamentos autocentrados”, explica.

A autotranscedência pode ser contínua ou ir variando de nível com o tempo. Na pesquisa de Martin, 70% dos participantes afirmam ter notado uma mudança contínua no seu senso de “EU”– um senso ‘mais abrangente do ser’, menos individualizado, em menos de quatro meses após o início das práticas. Os 30% restantes relatam estados temporários dessa consciência ainda em andamento.

“É natural que algumas passem por um momento de recaída, contudo, é importante retomar as atividades e os exercícios o mais rápido possível”, explica Gabas, acrescentando que, quando a pessoa alcança um estágio da consciência expandida e se torna um seer, passa a perceber as melhorias em todos os ambientes de sua vida. “As mudanças ocorrem tanto no profissional, quanto no pessoal. É algo que transforma toda adversidade na vida do indivíduo em algo mais agradável, tranquilo e muito mais leve”, conclui.

Leia Também:  Covid-19: Brasil bate recorde com quase 300 mil casos em 24 horas

Algumas orientações para atingir o estado de consciência expandida, segundo o especialista:1. Para você que busca viver em um estado de consciência elevado: a primeira etapa deve ser o questionamento de quem realmente você é. E, para isso, o melhor caminho é você analisar o que você NÃO É, e ficar consciente das identificações ilusórias que sua mente cria com seus pensamentos, ideias e condicionamentos. Todos esses aspectos são herdados e incorporados durante sua vida, mas o que você é vem muito antes disso.

2. Como experienciar essa transformação: para aprofundar esse questionamento e ter clareza suficiente para ver “a verdade de quem você realmente é”, faz-se necessário o uso de práticas meditativas guiadas e sequenciais. Você só vai encontrar essa resposta dentro de si e a meditação é justamente a técnica que te permite essa viagem interior.

3. Se perceber algum retrocesso ao estado inicial de consciência: volte para as práticas meditativas. Você pode também conhecer diferentes linhas dentro da meditação, que podem te ajudar a retornar ao estado anterior de consciência.

4. Como saber se alcançou uma expansão completa da mente: nessa jornada você vai perceber que todo o estresse e o sofrimento são causados por um excesso de preocupação com autoimagens e identidades que não são você. Nessa hora acontece uma sensação de profunda liberdade de Ser e, naturalmente, os pensamentos autocentrados rareiam e a qualidade de sua experiência de vida se transforma positivamente.

Por Fofuxa
Assessoria: C3COM Comunicação e Relações Públicas
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA