POLÍTICA MT

Emanuel diz que MDB tem “força do mal”

Publicados

em

 

Folha Max.

Já não é novidade que há um bom tempo o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) e o governador Mauro Mendes (DEM) travam uma disputa  política. Ambos não sentam na mesma mesa há anos, nem mesmo em almoços com “figuras” do governo federal.

Contudo, essa briga tem sido levada para os novos lados, inclusive para o “sobrenatural”.  Emanuel voltou a comentar sobre seu principal desafeto político e seus planos para construir uma candidatura de oposição ao governo de Mato Grosso.

Para tanto, o prefeito cuiabano disparou que precisaria eliminar uma “força do mal” dentro do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) de Mato Grosso, fazendo alusão ao posicionamento dos deputados que fazem parte da base aliada do governador na Assembleia Legislativa.

“Tem a força do mau…, que está dentro do MDB. Eles estão levando para esse lado [de que eu quero tirar o MDB da base do governo] devido à minha postura de oposição e liderança na construção de um projeto político alternativo do que está ai. Isso eu nunca escondi de ninguém e quero ouvir os colegas do meu partido”, disse acompanhado de uma risada irônica.

Leia Também:  Deputado e ex-deputado são alvos de operação do Gaeco em MT

A fala ocorreu antes do encontro de prefeitos do MDB que organizou na semana passada. Apesar da expectativa do gestor para discutir um modelo alternativo para Mato Grosso, poucos gestores compareceram à reunião.

Na quarta-feira (15), Emanuel declarou que houve pressão do governo do Estado e de alguns deputados para que os gestores não comparecessem ao encontro. O chefe do Alencastro, contudo, já antecipou que vai continuar provocando a discussão com seus correligionários.

“Num segundo momento, sendo possível, quero fazer essa reunião com vereadores, presidentes de partidos, deputados estaduais e outras lideranças”, finalizou.

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA