CIDADES

Estado e Várzea Grande se unem para entregar até 100 mil cestas básicas à famílias vulneráveis

Publicados

em


Legenda:

A gestão municipal está focada no combate a Covi-19, mas sem esquecer-se dos outros setores, a exemplo da Secretaria de Assistência Social, que neste período de pandemia, tem atuado de forma mais incisiva nas questões sociais, e muitas delas estão exigindo um maior esforço, uma vez que muitas famílias perderam rendas e outras estão sendo obrigadas a contar com o apoio do poder público e organizações não governamentais para sobreviver.

A primeira-dama do Estado, Virgínia Mendes e à promotora de Justiça e primeira-dama do município, Kika Dorileo Baracat, se uniram para que o Estado de Mato Grosso e a Prefeitura de Várzea Grande promovam em conjunto políticas públicas visando atender aquelas famílias em risco de vulnerabilidade social, potencializada ainda mais pela pandemia da COVID 19 que afetou o nível de emprego e renda de famílias, de pessoas.

Acompanhadas pelo prefeito Kalil Baracat e pelo presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi, as primeiras-damas e as secretárias de Assistência Social promoveram a entrega de diversas cestas básicas para famílias carentes e que serão destinadas também para os artesãos que tiveram suas atividades económicas laborais atingidas pelos períodos de quarentena e da crise econômica.

Na oportunidade foram entregues pelo Governo do Estado através da primeira-dama Virgínia Mendes, 9 mil cestas básicas, que o prefeito Kalil Baracat e a primeira-dama Kika Baracat fizeram questão de apontar que serão reforçadas pela aquisição de cestas básicas pela Prefeitura de Várzea Grande, em um total de 20 mil unidades e outros 13,4 mil kits alimentação já entregues para as famílias de estudantes das escolas públicas municipais, através de um trabalho do secretário de Educação de Várzea Grande, Silvio Fidélis que desde 2020 já repassou mais de 50 mil kits escolares para as famílias de estudantes municipais cadastrados no Bolsa Família do Governo Federal.

“Queremos e vamos entregar entre 50 mil e 100 mil cestas básicas e kits escolares ao longo dos próximos meses que reforçarão a alimentação das famílias várzea-grandenses em um esforço que envolve os Poderes Públicos nas pessoas do Governo Mauro Mendes, da Administração Kalil Baracat, Assembleia Legislativa na pessoas dos deputados Max Russi e Edudardo Botelho representando os 24 parlamentares estaduais e também da iniciativa privada que já promoveu a entrega das primeiras cestas básicas”, disse a secretária de Assistência Social de Várzea Grande, Eliamara Zeferine que enalteceu a forma como as primeiras-damas, Virginia Mendes e Kika Baracat uniram esforços em busca de amenizar a situação de milhares de pessoas em Várzea Grande e no Mato Grosso, já que o Estado vai ajudar a todas as cidades.

Leia Também:  Kalil empossa Conselho das Cidades e pede união em busca de uma Várzea Grande melhor

A solenidade de entrega das cestas ocorreu na sede da Guarda Municipal e contou com a presença de várias autoridades municipais e estaduais.  

O prefeito de Várzea Grande destacou o comprometimento que o Governo do Estado tem tido com o município de Várzea Grande, principalmente em setores que necessitam neste momento, de olhar diferenciado, a exemplo da Saúde e Assistência Social. “Essa ação, com a entrega das cestas básicas, é uma forma de acalentar a vida das famílias mais carentes e que neste momento necessitam do aporte do público para minimizar as perdas que muitos estão tendo neste momento. Além das vidas ceifadas por esse vírus, há também aqueles que sofrem por não ter comida na mesa e essa é a realidade de muitas famílias, não só em Várzea Grande, mas em todo Mato Grosso, Brasil e porque não dizer no Mundo”, disse.

A secretária de Estado de Assistência Social, Rosamaria Carvalho disse que essa ação social se deve muito ao comprometimento da primeira-dama Virginia Mendes que não tem medido esforços para que as famílias mais carentes sejam de fato atendidas. “Uma coisa é parceria de palavras, outra é parceria de ações e esta, nós temos com o município de Várzea Grande. Que a mão protetora do Estado chegue a todos, em especial aqueles que mais necessitam”.

Eliamara Zeferine, disse que existem muitas pessoas que nascem para fazer o social e outras que são predestinadas a trabalhar pelo social, a exemplo da primeira-dama, Virginia Mendes. “Levamos a nossa demanda e fomos prontamente atendidos e estamos muito contentes com o suporte do Estado, que além de nos atender ampliou a nossa meta que era adquirir cerca de 10 mil cestas básicas, e estaremos recebendo 14 mil podendo chegar a 32 mil cestas, que serão entregues a quem de fato necessita”, comemorou.

O presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi, disse que sem o apoio dos Poderes Constituídos nenhuma luta pode ser vencida. “A crise da saúde afetou a todos os setores, e o social é uma delas. São muitas famílias que estão passando necessidades e o recebimento de uma cesta básica abranda aqueles que nada têm. Com o engajamento de todos, vamos minimizar essa crise e favorecer aqueles que mais precisam, e a Assembleia Legislativa não tem deixado de apoiar, devolver recursos, encaminhar serviços e permitir que o Governo de Mato Grosso possa atender a demanda de todos”, disse Max Russi.

Leia Também:  Contribuintes poderão pagar IPTU e Alvará parcelados ou com descontos  em 2021, em Várzea Grande

Falando em nome dos vereadores presentes, o presidente da Câmara Várzea Grande, Fábio Tardin assinalou que “quando todos caminham em um único sentido, as chances de se sobrepor todas as dificuldades e obstáculos se tornam maiores e é isto que todos estamos aprendendo a fazer. Poderes Executivo e Legislativo de Mato Grosso e de Várzea Grande unidos em prol do povo e com a mão do Poder Público atendendo as demandas que nós que vivemos todos os dias nas ruas da cidade conhecemos e sabemos qual a realidade da maioria da população e o efeito que a COVID provocou na vida de todos”, frisou Fábio Tardin.  

COMUNIDADE RURAL – Na localidade de Limpo Grande, formadas por famílias que trabalham no tear das redes – um dos setores afetados pela pandemia – as primeiras-damas Virginia Mendes e Kika Dorileo Baracat fizeram a entrega de 70 cestas básicas e produtos de limpeza aos artesãos e pequenos comerciantes da região.

Para Lucinei Antônio Pereira a cesta chega em boa hora. “Sou artesã e com essa pandemia não tenho me dedicado ao tear por causa da falta dos produtos, como não há venda não temos condições de nos manter, e a ajuda do poder público se faz necessário. Só temos a agradecer”, comemorou.  

O prefeito Kalil Baracat disse que as ações dos diversos setores tiveram que ser reformuladas e, para isso, foi preciso uma mudança de postura, sem perder a humanização no atendimento prestado à população mais carente que efetivamente neste momento precisa de um aporte maior do poder público. “Esperamos que essa pandemia passe logo e que possamos viver de maneira mais plena e mais segura”.

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA