CIDADES

Jovem estudante lança livro de poemas em Cuiabá

Publicados

em

 

O estudante do Colégio Salesiano São Gonçalo, Thiago Costa de 17 anos (Costa Breu), realizou nesta terça-feira a noite o lançamento do seu primeiro livro de poemas, intitulado “Reviravolta do Viajante”. O evento ocorreu no anfiteatro da escola, com todas as medidas de distanciamento e prevenção contra a covid 19.

O evento contou com a presença de membros da Academia Mato-grossense de Letras, como Aclyse Mattos, Marta Cocco e Eduardo Mahon, que prestigiaram o lançamento feito pela Editora Entrelinhas, que tem 27 anos de tradição no estado.

“Reviravolta do viajante”, tem 41 poemas, traz ao leitor uma jornada pela poesia e é protagonizado por um personagem lírico, que navega numa reflexão sobre a vida e os percursos incessantes e nem sempre aceitáveis ou compreensíveis.

A editora Maria Teresa Carrión Carracedo da Entrelinhas participou do lançamento e comentou sobre a felicidade em participar deste projeto junto do talentoso jovem em seu primeiro livro.

O diretor do São Gonçalo, Hermenegildo Conceição, destacou em sua fala o compromisso do colégio em apoiar boas iniciativas dos estudantes salesianos, que trazem frutos positivos e são um verdadeiro orgulho para a instituição, que tem uma formação religiosa, humanizada e plena.

Segundo o autor do livro, Thiago, a professora Silbene Rapozeiras foi uma das grandes incentivadoras para que esse sonho de lançar um livro de poemas se concretizasse, e agradeceu o apoio da família, da editora, dos amigos e do colégio São Gonçalo que faz parte da sua formação desde o ensino fundamental.

O autor também foi homenageado por amigos e familiares durante o lançamento e já no final do evento autografou os livros para as pessoas presentes.

História salesiana

O ex-presidente e membro da Academia Mato-grossense de Letras, Eduardo Mahon, lembrou durante entrevista a ligação histórica do Salesiano São Gonçalo com a literatura do estado e a AML.

“A academia antes de ter sede própria em 1930, saiu do Palácio da Instrução e foi acolhida na sede do Colégio São Gonçalo, que deu o apoio inicial para a geração literária no início do século XX, inclusive com sede provisória e muita gente não sabe disso. A literatura de Mato Grosso deve muito ao CSSG, pois foram ali nas oficinas salesianas que muita gente começou sua carreira como escritor ainda na década de 20. Os salesianos tinham a revista O Mato Grosso que reuniu a geração literária daquela época”, disse Mahon.

Fonte: Folha Max

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA