MANCHETE 2

Juiza Ana Cristina Mendes afasta envolvidos em novo esquema criminoso no Detran-MT

Publicados

em

Cinco pessoas foram afastadas de suas funções públicas no Departamento Estadual de Trânsito (Detran) na manhã de quarta-feira (18), em ação conjunta das delegacias Especializadas de Combate à Corrupção (Deccor) e a de Crimes Fazendários (Defaz). É o que informa A Gazeta. Além do afastamento cautelar dos servidores, a ação cumpriu ainda mandados de buscas e apreensões dos investigados em possíveis crimes de corrupção ativa e passiva.

Consta que o grupo atuava no direcionamento de matoristas  que procuravam  o Detran para a realização de procedimento de mudança ou renovação de carteiras de habilitação das categorias C, D, e E. Os usuários eram mandados para laboratórios envolvidos no esquema

Ao que tudo indica, o grupo tocava este esquema crimonoso há mais de um ano recebendo vantagens indevidas dos empresários.

No momento de realizar a fotografia no atendimento no Detran, condutores eram direcionados a determinado laboratório para a realização de exames toxicológicos, necessários à renovação/mudança de categoria C, D e E, mediante o pagamento de propina, realizada por representante legal da empresa que faz os exames, aos colaboradores que indicavam os motoristas.

Leia Também:  Fundador de colégio em Cuiabá; ex-técnico e 2 professores morrem de Covid em MT

Os mandados foram deferidos pela juíza Ana Cristina da Silva Mendes, da 7ª Vara de Combate ao Crime Organizado da Capital. A ação policial conta com apoio de supervisor dos colaboradores investigados.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA