BRASIL

Morre em confronto com a polícia homem que matou namorada e duas adolescentes em Caraguatatuba

Publicados

em

Daniela, ao centro, e duas filhas de 13 e 15 anos foram mortas por Julio Cesar Cardoso

Júlio Cesar Cardoso fugiu para uma área de mata após o triplo homicídio no bairro Martim de Sá

Julio Cesar Cardoso, de 47 anos, morreu após confronto com policiais militares no bairro do Getuba, em Caraguatatuba, na noite desta quinta-feira (15). No início da manhã, ele matou a facadas a namorada Daniela Nogueira, 40 anos, e duas filhas dela, de 15 e 13 anos, no bairro Martim de Sá.

Julio era funcionário da prefeitura de Caraguatatuba. Após cometer o crime, ele fugiu da casa das vítimas de bicicleta. Uma criança de nove anos conseguiu fugir do local. Ela se feriu na fuga e foi levada ao hospital Stella Maris, onde não corre risco de morrer

A busca por Julio Cesar Cardoso teve início logo após o triplo homicídio. Ele entrou em uma área de mata entre o bairro do crime e o Jardim Capricórnio. Equipes especializadas em buscas por mata, além de equipes do canil da Polícia Militar participaram das buscas.

O criminoso foi encontrado por volta das 22h próximo ao bairro do Getuba, onde resistiu à ordem de prisão e entrou em confronto com os policiais militares, sendo morto a tiros.

Casa onde houve o triplo homicídio em Caraguatatuba Imagem: Caroline Rossasi/TV Band Vale

Leia Também:  Anitta é flagrada aos beijos na piscina com Lipe Ribeiro em momento quente

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA