MANCHETE

Pastor espanca fiel durante culto religioso e foge em Cuiabá

Publicados

em

 

.

Um pastor identificado como Ney Valdecy Ferreira está sendo acusado de ter espancado a uma fiel de 54 anos dentro da Igreja Pleno Amor, no bairro Pedregal em Cuiabá. De acordo com testemunhas, a agressão ocorreu durante um culto no último domingo (20) e o pastor segue foragido.

A denúncia foi compartilhada pela sobrinha da vítima e virilizou rapidamente nas redes sociais. Na postagem, a jovem conta que as agressões ocorreram enquanto o pastor e a fiel discutiam dentro do templo religioso.

Exaltado, o pastor desferiu socos contra o rosto da mulher, que ficou completamente inchado. Após a confusão, o autor das agressões fugiu e até o momento não foi localizado.

Diversos fiéis da igreja compartilharam a denúncia diante da repercussão do caso, o pastor Ney excluiu o seu perfil nas redes sociais. De acordo com a Polícia Militar, a equipe do 3º Batalhão foi acionada e informada que houve agressão a duas pessoas da igreja contra duas mulheres.

Chegando ao local, a polícia encontrou uma das vítimas com hematomas pelo corpo, que precisou receber atendimento médico por conta das agressões sofridas. A Delegacia Especializada dos Direitos da Mulher (DEDM) deve investigar o caso e o pastor responderá por lesão corporal.

 

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA