MANCHETE

Paulo Guedes defende “passaporte da imunidade”

Publicados

em

Na live com representantes da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas, Paulo Guedes defendeu neste sábado um “passaporte da imunidade” para pessoas curadas da Covid-19.

A ideia, segundo o ministro, é tirar do isolamento social as pessoas que já foram infectadas pelo novo coronavírus e acelerar o retorno da economia.

“Hoje de manhã, conversava com um amigo da Inglaterra que criou o passaporte da imunidade. Ele faz 40 milhões de teste e coloca disponível para nós brasileiros, 40 milhões de testes por mês. Já mandei para o ministro Mandetta,  para o chefe da Casa Civil, ministro Braga Netto e para o presidente Jair Bolsonaro. Ou seja, se você fez o teste e deu positivo, você pode circular. Você fez o teste e deu negativo, você tem que ir para casa. Não é agora. Agora nós estamos em isolamento. Nós estamos planejando uma saída, lá na frente e termos esse teste em massa. As pessoas vão sendo testadas, pode ser  semanalmente e quem estiver livre, continua trabalhando.”

Leia Também:  EP culpa MM por preços altos de produtos e quer "governo popular" em MT em 2022

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA