MULHER

Pesquisa da Second Love aponta motivos para aumento de infidelidade durante o carnaval

Publicados

em

De acordo com o levantamento, usuários listam justificativas para traírem e por não terminarem o relacionamento para curtirem a maior festa do Brasil

Todo início de ano o carnaval levanta as seguintes questões nos relacionamentos: Por que trair no carnaval, quando existe a opção de terminar o relacionamento? Por que mentir para curtir o carnaval, se existe a possibilidade de abrir o coração outra vez e mudar o rumo da sua vida? Encontrar essas respostas levam para outra pergunta: Por que terminar com o parceiro, quando tudo que a pessoa deseja é apenas um amor de carnaval, ou seja, passageiro?

As condutas morais não passam de regras éticas que visam orientar o comportamento coletivo, e que ignoram a felicidade e as particularidades de cada um. O desejo de trair dentro de um relacionamento e, principalmente, casamento, é algo que pesa. Segundo pesquisa da Second Love, 6 em cada 10 mulheres que procuram um amante durante o período carnavalesco, não querem se divorciar; mas querem ter uma aventura, sentir emoções, ou seja, uma diversão passageira e não um compromisso com alguém.

Leia Também:  Juliana Paes comenta fases do relacionamento de 18 anos com marido
Em outro cenário, em um relacionamento estável e duradouro, por exemplo, regendo uma família feliz e cumprindo inúmeros papéis exigidos – mulheres e homens apaixonados, mães e pais cuidadosos -, a diversão acaba sendo deixada ‘de lado’. Caso juntarmos tudo isto com a rotina e a monotonia das relações monogâmicas de longa duração, a vontade de ir em um bloquinho de carnaval ou dar uma fugidinha de casa acaba surgindo inevitavelmente. A Second Love realizou uma consulta com os usuários e listou alguns motivos que alimentam o desejo de trair durante o carnaval e outros pelas quais o término da relação não é desejado, mesmo com o desejo de se divertir livremente durante esse período.

Durante o carnaval, a traição ocorre, pois:
• Cerca de 50% que são infiéis, sentem-se atraídos por outras pessoas;
• 68% das mulheres confessam a necessidade de sentirem desejadas novamente;
• 25% das mulheres referem-se à necessidade de uma aventura por viverem um relacionamento sem sexo;
• Mais de 80% dos homens traem devido à falta de sexo com a justificativa de ter mais frequência e variedade;
• Nos relacionamentos a longo prazo, corpo e sexo acabam se tornando secundários;
• É uma oportunidade para experimentar momentos de fantasia e exaltação;
• Sentem necessidade de correr riscos e experimentar níveis altos de adrenalina.

Leia Também:  Horóscopo do dia: previsões para 27 de fevereiro de 2022
Mais de 70% dos usuários confessam que não planejam terminar o relacionamento para curtir o carnaval, pois:
• Ainda amam seus parceiros;
• Valorizam a harmonia familiar;
• Muitos casais mantêm um acordo para se relacionar abertamente;
• Não querem outro parceiro, apenas uma diversão durante o período de carnaval.

Sobre a Second Love
Second Love é um site de encontros exclusivo para pessoas que desejam ter relações extraconjugais. Criado em 2008 por Erik Drost, suas sedes estão localizadas em Barcelona e, atualmente, está se expandindo para todo o mundo, buscando presença nos principais mercados, dentre eles: Holanda, Bélgica, Espanha, Portugal, Estados Unidos, Argentina, México, Chile, Uruguai, Colômbia e Brasil.

*Quantidade de pessoas entrevistadas para a pesquisa: 2.400 pessoas
*Quantidade de usuários ativos no site: 783.000 usuários
Por Fofuxa
Assessoria: Seven Public Relations

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA