Geral

Presidente Trump desmente brasileiros e defende uso IMEDIATO da hidroxicloroquina contra Covid-19

Publicados

em

O presidente dos Estados Unidos Donald Trump usou suas redes sociais na manhã deste sábado, 21, para contrariar algumas autoridades e médicos e pesquisadores do Brasil, para pedir que o uso de hidroxicloroquina e azitromicina, remédios tipicamente usados no tratamento de malária e doenças respiratórias, no combate ao coronavírus. “Tomados juntos, eles têm a chance de se tornarem um dos maiores trunfos na história da medicina”, afirmou o sempre polêmico Trump em sua conta oficial no Twitter.  A informação é das agências internacionais e do jornal O Estado de S. Paulo

Trump afirmou ainda que a Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA, na sigla original), órgão encarregado pela proteção da saúde públicas nos EUA, “tem movido montanhas”, antes de pedir que os medicamentos sejam liberados “imediatamente”. “AS PESSOAS ESTÃO MORRENDO, SEJAM RÁPIDOS, e DEUS ABENÇOE TODOS”, escreveu.

Já na quinta-feira, 19, Trump já havia dito que a droga tem o potencial de “virar o jogo” do coronavírus. “Resultados iniciais se mostraram muito encorajadores e vamos ser capazes de tornar a droga disponível quase imediatamente”, disse, acrescentando na sequência que ela já tinha sido aprovada para esse uso pela FDA.

Leia Também:  Com recessões e pandemia, PIB do Brasil tem pior década em 120 anos

 

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA