MULHER

SELFIT Academias oferece aulas online diárias em seus canais na Internet

Publicados

em

Marca suspendeu suas atividades por conta da pandemia de COVID-19

 

Para auxiliar durante o período de quarentena, a SELFIT Academias está oferecendo diariamente aulas online em seus canais na Internet (redes sociais, apps e site), com dicas de exercícios fáceis a serem realizados em casa, sem a necessidade do uso de equipamentos.

A marca fechou suas portas na última quinta-feira, 19 de março, em todas as 70 unidades espalhadas pelo Brasil, por conta da pandemia de COVID-19.

As ferramentas digitais da rede são gratuitas e podem ser utilizada por toda a população, não apenas por alunos. Entre as opções oferecidas estão treinos funcionais, aulas de Yoga, Fit Dance e Muay Thai, por exemplo.

Além disso, a SELFIT conta com dois aplicativos, um para orientação nutricional (App Sem Culpa) e outro específico para treinos, o App SELFIT.

A rede, do segmento low cost high value, também está promovendo Lives diárias no Instagram para auxiliar durante o período de resguardo. Hoje, o tema do “ao vivo” foi um treino funcional com a professora Roberta Carvalho.

O campo digital está no DNA da empresa e faz parte da rotina da SELFIT. O formato foi baseado no conceito omnichannel, ou seja, de integração entre o meio físico e o digital, para facilitar a vida dos alunos, que buscam eficiência e uma experiência completa e única.

Leia Também:  Dia da Mulher: quatro presentes melhores que flores

Fechamento

As academias da rede ficarão fechadas por, ao menos, 15 dias. Este prazo, no entanto, poderá ser postergado caso haja necessidade. Os dias serão acrescidos ao final dos contratos, sem qualquer prejuízo aos alunos que treinam na SELFIT.

A SELFIT ainda decidiu doar todo o seu estoque de álcool em gel a instituições de saúde pública para auxiliar no combate ao vírus.

A empresa está seguindo todas as orientações das autoridades de saúde locais para garantir a seus alunos e colaboradores o acesso a informações precisas sobre boas práticas de higiene e assepsia. E destaca que não há casos da doença confirmados na rede. As ações foram tomadas como medida preventiva, para garantir a segurança e integridade física de todos.

“A SELFIT sempre se posicionou de forma plural e norteada aos valores humanos. O momento é extremamente desafiador e pede por atitudes firmes, transparentes e, acima de tudo, de responsabilidade ao próximo. Tomamos essa difícil decisão de fechar, de forma voluntária, todas as nossas academias”, destaca o CEO da empresa, Leonardo Pereira.

“Não poderíamos nos abster neste momento tão difícil para o país e para o mundo. Acreditamos que o momento é de união e transparência e todo esforço empregado na redução da velocidade de propagação do vírus é de extrema importância. A decisão não poderia ser outra, além dessa, de absoluto respeito à vida e à saúde de todos”, completa o executivo.

Leia Também:  Horóscopo do dia: previsões para 12 de fevereiro de 2022

A rede também orientou todos os seus funcionários a trabalharem remotamente nos próximos dias.

Sobre a SELFIT

A SELFIT Academias foi fundada em 2012, com a primeira unidade implantada em Salvador, na Bahia. Desde então, atinge um crescimento médio de 100% e já opera como a segunda maior do segmento no Brasil.

Em 2015, decidiu associar-se ao fundo H.I.G Capital, elevando o negócio a uma nova escala e acelerando o seu crescimento.

A SELFIT iniciou em 2019 um forte processo de expansão para o Sudeste brasileiro, que inclui o sistema de franquias também. Até o final de 2020, a meta é chegar a mais de 120 unidades em todo o País.

O formato da academia tem o objetivo de atender às necessidades dos alunos que desejam encontrar a sua melhor versão, desenvolvendo uma relação de felicidade, leveza e prazer com os exercícios.

Instagram: @SelfitAcademias
Facebook: www.facebook.com/SELFITacademias
Site: www.selfitacademias.com.br

 

 

Por Fofuxa

Assessoria: Máquina Cohn & Wolfe

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA