ENTRETENIMENTO

Sikêra Jr acusa Xuxa de pedofilia e apologia às drogas

Publicados

em


source

O jornalista Sikêra Jr , apresentador do ” Alerta Nacinal “, não ficou nada feliz com as críticas tecidas a ele por Xuxa Meneghel e resolveu descontar no livro escrito pela Rainha dos Baixinhos, “Maya: bebê arco-íris”. 

Ao vivo na RedeTV! , o Sikêra Jr disse que  Xuxa  levará as crianças para a “p*taria” com a história de uma menina com duas mães. “Lamentavelmente, eu era muito fã. Eu era pequenininho, meu sonho era ir à plateia para ver a que se diz rainha. Hoje, não dá mais audiência, está sendo empurrada para todo horário. A que vai lançar agora um livro LGBT para criança, viu? Para criança! Um livro LGBT para criança! Cuidado com o teu filho! Cuidado com a tua filha! A mesma que fez um filme com uma criança. Sim! Ela nua com uma criança de 12 anos. Ex-rainha, eu quero dizer para você que pedofilia é crime e não prescreve não, tá?”, iniciou o apresentador, associando a temática LGBT ao crime de abuso sexual de menores. 

“Você está usando desse nome que você criou para levar a criançada agora para a safadeza, para a putari*, para a surub*! Tua filha falando que ofereceu maconha para ‘tu’. Isso é uma coisa que se diga, ‘tu’, uma formadora de opinião? E aí? Todo mundo preocupado com o rabo do cavalo, né? Apologia às drogas também é crime, ex-rainha”, continuou ele, citando uma entrevista em que Xuxa contou que Sasha já tinha lhe ofereceu  maconha .


Entenda a briga

Os desentendimentos entre Sikêra e a eterna Rainha começaram quando Luisa Mell compartilhou um vídeo em que o jornalista satiriza um fazendeiro estuprando uma égua.

À época, Xuxa, que também ativista da causa animal, reprovou as imagens. “Meu Deus, estão rindo de um crime? Zoofilia é piada?”. Luisa Mell elevou o tom contra o apresentador e questionou se ele também riria de estupro de crianças. 

“O apresentador Sikeira Jr e sua equipe acham este tipo de violência muito engraçado. Neste vídeo vergonhoso, ele ri de algo doentio. Faz seu deprimente show em cima de um crime. Além de eticamente grotesco, sexo com animais é clinicamente perigoso”, disse a ativista, à época. 

Fonte: IG GENTE

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA