CARROS E MOTOS

Veículos elétricos plug-in alcançam recordes de vendas globais

Publicados

em

Modelos eletrificados vem sendo mais aceitos ao redor do mundo
Divulgação

Modelos eletrificados vem sendo mais aceitos ao redor do mundo

A venda de veículos elétricos de passeio do tipo plug-in, ou seja, que necessitam ser conectados a carregadores ou tomadas, alcançou a marca de 913.479 unidades no mês de junho, um recorde para o segmento.

Segundo um relatório publicado pelo portal EV-Volumes, essa representa um crescimento de 54% em comparação com o mesmo período de 2021, e indica que a indústria está bem próxima da quantidade de 1 milhão de veículos plug-in vendidos por mês.

Enquanto os híbridos do tipo plug-in expandem suas vendas, os híbridos convencionais (os não carregam em tomadas ou carregadores) vêm perdendo cada vez mais espaço, e registraram queda pelo terceiro mês consecutivo.

Apesar disso, o número de carros completamente elétricos  vendidos ainda é muito superior ao de modelos híbridos, e segue crescendo.

Em junho, os elétricos registraram 685.000 unidades vendidas globalmente, enquanto os híbridos plug-in ficaram na casa de 228.000 unidades, somados, os carros plug-in representaram 16% do volume da indústria.

No ritmo atual, os veículos de passeio do tipo plug-in irão superar a marca de 6.5 milhões de unidades do ano passado. Até o momento, já foram vendidos cerca de  3.05 milhões de carros elétricos e 1.11 milhões de híbridos do tipo plug-in.

Leia Também:  Stellantis oferece programa de aluguel de carros elétricos

Os modelos mais vendidos no período foram da Tesla . O Model Y com 97.950 unidades, foi seguido do Model 3 (53.768) e o compacto chinês Wuling Guang MINI EV , o terceiro modelo plug-in mais vendido em Junho, com 46.250 unidades.

10 veículos Plug-In mais vendidos em junho/2022:

1.    Tesla Model Y – 97,950

2.    Tesla Model 3 – 53,768

3.    Wuling Hong Guang MINI EV – 46,250

4.    BYD Song (BEV + PHEV) – 31,787

5.    BYD Han (BEV + PHEV) – 25,356

6.    BYD Qin Plus (BEV+PHEV) – 23,176

7.    BYD Yuan Plus (BEV) – 16,764

8.    Volkswagen ID.4 – 16,462

9.    Li Xiang One EREV – 13,024

10.  GAC Aion Y – 11,801

(BEV+PHEV significa que as versões 100% elétricas e híbridas plug-in do modelo foram somadas)

No somatório anual, os quatro modelos mais vendidos de junho se repetem, e na mesma ordem. Dificilmente um Tesla perderá o título de modelo mais vendido de 2022, já que o Model Y tem uma boa vantagem para o Model 3, que é ameaçado na vice-liderança pelo Wuling MINI EV, que deve ultrapassar o Tesla, devido a seu propósito compacto e de baixo custo, focado para o mercado chinês.

10 carros plug-ins mais vendidos jan-jun/2022:

1.    Tesla Model Y – 314,921

2.    Tesla Model 3 – 219,095

3.    Wuling Hong Guang MINI EV – 207,829

4.    BYD Song (BEV + PHEV) – 159,091

Leia Também:  Stellantis e Toyota ampliam parceria sobre furgões comerciais

5.    BYD Qin Plus (BEV + PHEV) – 132,495

6.    BYD Han (BEV + PHEV) – 97,225

7.    Volkswagen ID.4 – 63,597

8.    Li Xiang One EREV – 60,404

9.    BYD Dolphin – 58,613

10.  BYD Tang (BEV + PHEV) – 57,000

Vale ressaltar também o crescimento da fabricante chinesa BYD, que vem superando frequentemente seus recordes de vendas de seus modelos plug-in , e em junho vendeu 133.885, superando em 19.573 seu melhor mês, que havia sido Maio.

Enquanto Tesla e Volkswagen comercializam seus modelos em praticamente todo o planeta, o relatório aponta que apenas 2.177 unidades de BYDs foram vendidos fora do mercado chinês em junho.

Observando as 10 marcas mais vendidas no mês de junho, novamente o mercado chinês se sobressai, com pelo menos quatro fabricantes tendo a maior parte da sua produção voltada para o mercado interno.

1.    Tesla – 157,475

2.    BYD – 133,885

3.    SAIC-GM-Wuling – 49,946

4.    Volkswagen – 42,808

5.    BMW – 29,204

6.    SAIC – 29,106

7.    GAC – 24,165

8.    Chery – 23,014

9.    Mercedes-Benz – 21,254

10.  Kia – 21,052

A BYD pode encerrar o ano de 2022 como maior fabricante de veículos eletrificados/elétricos do mundo, apesar do déficit em relação à Tesla , seus modelos são mais em conta e vendidos em um mercado onde têm larga aceitação.

Além disso, as variantes híbridas podem ser mais convidativas para clientes que estão se interessando pela mobilidade elétrica e ainda possuem dúvidas.

Fonte: IG CARROS

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA