JUDICIÁRIO MT

Verde Novo volta a fazer plantio de mudas de árvores na Capital

Publicados

em


.
O projeto Verde Novo do Juizado Volante Ambiental (Juvam) de Cuiabá retomou as atividades de plantio de mudas de árvores na cidade. A primeira ação presencial foi desenvolvida no sábado (06 de junho), na Avenida das Torres, próximo à rotatória da Viola de Cocho, no Bairro Jardim Universitário. A engenheira Bruna Zeni, que faz parte da equipe de coordenação do projeto, tomou todos os cuidados e medidas de prevenção ao contágio da Covid-19.
 
Com o apoio da concessionária de energia, a Energisa MT, que é um dos parceiros do Verde Novo e fez a doação das mudas, a engenheira plantou 50 mudas de árvores frutíferas e nativas, como araçá, ipês branco e amarelo, romã e pitanga. “São espécies de pequeno porte que estamos plantando ao longo da avenida, sendo que na primeira fase, antes da pandemia, plantamos 500 mudas entre a rotatória da Viola de Cocho e o Bairro Jardim Itália”, assinalou Bruna Zeni
 
Nas contas do Juvam já foram plantadas mais de 82 mil mudas de árvores nas mais variadas regiões da Capital, e essa ação no fim de semana foi também como forma de marcar o Dia Mundial do Meio Ambiente comemorado na sexta-feira (05 de junho). “Nos organizamos para retomar os plantios com muita cautela, e sem aglomeração de pessoas, por conta da pandemia. E a distribuição de mudas, que também faz parte do projeto, só será feita quando estivermos livres de qualquer perigo de contágio do coronavírus”, frisou.
 
O plantio na Avenida das Torres, além da Energisa MT, contou com a participação da TV Centro América, parceira do Verde Novo. A última ação do projeto ocorreu no início de março, no Bairro João Bosco Pinheiro, durante o projeto Multiação. Depois disso, os membros da equipe realizaram várias lives nas redes sociais oficiais do projeto, com diversos temas ligados a arborização urbana.
 
 
O projeto – O Verde Novo é um projeto do Poder Judiciário de Mato Grosso, idealizado pela equipe do Juvam de Cuiabá, com o objetivo de mobilizar a sociedade em prol do plantio e manutenção de árvores na Capital, a fim de alcançar índices de arborização satisfatórios que contribuam para a melhoria na qualidade de vida da população mediante a redução da sensação térmica e aumento da umidade relativa do ar.
 
 
São parceiros do projeto a Prefeitura de Cuiabá, Instituto Ação Verde, TV Centro América, Grupo Petrópolis, Energisa, Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea-MT) e Associação Brasileira de Engenheiros Civis (Abenc).
 
 
 
Álvaro Marinho
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
 
 
 

Leia Também:  Videoconferência: 1ª Câmara de Direito Privado julga 187 processos

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA