MANCHETE 2

Wellaton defende decisões conjuntas entre prefeitura e comércio

Publicados

em

 

Em encontro on-line com a Associação Comercial e Empresarial de Cuiabá (ACC), o candidato a vice-prefeito, Felipe Wellaton (Cidadania), representando Abílio Junior que não conseguiu comparecer, mesmo com a agenda confirmada, destacou que caso ocorra uma segunda onda da Covid-19 na Capital, o comércio não será fechado.

“Isso não irá acontecer, porque quem tem que tomar as decisões do setor não é somente a Prefeitura, e sim, o próprio setor”, comprometeu-se Wellaton, alegando ainda que tanto o comércio quanto o setor de serviços foram prejudicados com o fechamento adiantado em Cuiabá.

O vice de Abílio Junior enfatizou que o fechamento total do comércio é danoso tanto para a economia quanto para a saúde física e mental das pessoas. “Somos contra qualquer tipo de decreto que prejudique o comércio e, sim, a favor de políticas de segurança, criar práticas como o uso obrigatório de máscaras, uso do álcool em gel”, frisou.

Wellaton respondeu perguntas do presidente e diretores da Associação Comercial, e de internautas, sobre projetos para o desenvolvimento econômico da Capital na pós-pandemia, eventuais parcerias públicas privadas em serviços, sustentabilidade e meio ambiente, dentre outras.

Leia Também:  Nas academias dá para estabelecer um controle, que nos parques não é possível, explica Pinheiro

No primeiro turno, a Associação Comercial conversou com todos os candidatos que concorreram às eleições municipais de Cuiabá. O objetivo desses eventos, segundo o presidente da entidade, Jonas Alves, foi ouvir as propostas dos candidatos quanto ao setor do comércio e à sociedade.

“Nossa proposta é a de oferecer um ambiente agradável para ouvir os projetos e ações para o futuro da nossa cidade. Aqui não é um ambiente hostil, queremos saber o que pensam os candidatos, principalmente sobre os anseios da sociedade cuiabana e sobre o desenvolvimento econômico”, declarou o presidente na abertura do encontro.

Além do presidente da ACC, participaram do encontro o vice-presidente Edson Luiz Ribeiro da Silva, os diretores Mariza Bazo, Valdemir Canevari, Manuel Gomes, Roque Edu Alves Silva, Roberto Peron, Andrea Tereza de Rezende,  Antônio Menegassi, além da gerente da ACC, Samanta Fernandes, da executiva da Facmat, Rita Matos e da assessora de Marketing, Mariana Pirani.

Na segunda-feira (23.11), a ACC recebeu o candidato Emanuel Pinheiro. Os encontros foram mediados pela jornalista Luciane Mildenberger e transmitidos ao vivo pelo Facebook/ACCuiaba.

Leia Também:  Justiça "equipara" militares de MT às Forças Armadas e reduz alíquota para 9,5%

 

Fonte: Folha Max

POLICIA

POLÍTICA MT

PICANTES

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA